11 maio 2008

fado

com a palavra engasgada
lingua presa e nó na garganta
implora o direito ao grito
mas gritar pra quê pra quem
se ouvidos são surdos
e o mundo é um vácou

Um comentário: