12 junho 2008

lamento

o dia caía
o crepúsculo doía
sua cor
era dor
de ser só
de sentir
e se ferir
de gostar
e não expressar
de amar torto
de estar morto
de não ser