07 junho 2011

configuração

mostrou o rosto do amor
e não foi só palavras
foi corpo de carne
toque, olhar, cumplicidade 
não fugiu na crise, nem da dor
soube olhar além das aparências
sentiu o sopro, o hálito da vida
respiração com respiração
fez-se uma mesma alma
acessou a parte mais íntima
o lugar mais sagrado
e sempre recordou a palavra dada...