28 agosto 2008

oceano

cedo te amei
tarde percebeste
passei fome, sede
gosto amargo
boca sem saliva
peito em brasa
morri e ressuscitei
quando me notaste
já não era eu
noutro oceano
naufraguei